Bem-vindo ao SENAR SERGIPE

O que você procura?

SERTÃO EMPREENDEDOR: UM NOVO TEMPO PARA O SEMIÁRIDO

Superar as dificuldades impostas pela falta de chuvas e produzir em meio à seca são os maiores desafios para quem vive no semiárido brasileiro. O sertanejo, mesmo sendo um forte, como afirmou Euclides da Cunha, está cansado de esperar. Precisa de alternativas, de acesso a tecnologias que permitem conviver com o clima e trabalhar em diversas atividades.

Isso é possível porque o semiárido brasileiro é o que registra o maior volume de chuva – segundo a Articulação Semiárido Brasileiro (ASA) –, em relação a outras regiões semelhantes do planeta que, apesar da baixa quantidade de água, produzem muito.

Com a determinação de estimular o espírito empreendedor e elevar a qualidade de vida da população do semiárido brasileiro, o Sistema CNA/SENAR, em parceria com o Serviço Nacional de Apoio a Micro e Pequena Empresa – SEBRAE criou o “Programa Sertão Empreendedor: Um Novo Tempo para o Semiárido”.

O SEMIÁRIDO

1.135 municípios distribuídos por nove estados (Alagoas, Bahia, Ceará, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Rio Grande do Norte, Sergipe e norte de Minas Gerais);

11,5% do território nacional e mais da metade da área do Nordeste;

22,5 milhões de pessoas (sendo 14 milhões na zona urbana e 8,5 milhões na zona rural);

Cerca de 1,7 milhão de estabelecimentos rurais.

OBJETIVO

O Programa objetiva promover a sustentabilidade dos produtores rurais no semiárido sergipano através do fomento à inovação, ao empreendedorismo e a difusão das tecnologias sociais, de produção, gestão e boas práticas de convivência com o semiárido.

A metodologia do programa baseia-se na seleção de um grupo de 20 produtores, por município, que receberão a visita mensal de um técnico qualificado, no período de 24 meses.

JUSTIFICATIVA

Após a dissolução da EMBRATER o processo de trabalho da assistência técnica e extensão rural começou a sofrer descontinuidade e falta de padronização, passando a ser de responsabilidade estadual.

A maioria dos Estados não possui quadro suficiente de técnicos para uma boa prestação do serviço. Segundo dados do IBGE (2006), apenas 9,32% dos produtores rurais recebem regularmente visita de técnicos, enquanto 77,88% não receberam esta visita.

FOCO ESTRATÉGICO E LINHAS DE AÇÃO DO PROGRAMA SERTÃO EMPREENDEDOR

O programa reúne um conjunto de ações sistêmicas e continuadas para contribuir com o desenvolvimento rural sustentável a partir da difusão e aplicação de tecnologias de convivência com as adversidades do semiárido, para melhorar a gestão, aumentar a produtividade e a renda dos empreendimentos rurais, com respeito ao meio ambiente.

• Formação Profissional dos produtores

• Gestão da propriedades;

• Fomento a técnicas de reserva hídrica e forrageira;

• Implantação de Unidades de Demonstrativas (UDs) com efeito multiplicador;

TECNOLOGIAS SUGERIDAS

O programa Sertão Empreendedor vai incentivar as seguintes tecnologias:
Captação e conservação hídrica (barragem subterrânea, poço amazonas com anéis de cimento, cisterna calçadão e barreiros de salvação);

Produção de forrageiras (palma forrageira em sistema adensado, gramíneas, leguminosas, fontes proteicas e energéticas);

Conservação de forragens (fenação, ensilagem e amoniação);

PASSOS

Diagnóstico Produtivo

Planejamento Estratégico

Adequação Tecnológica

Capacitação Profissional

Avaliação de Resultados

PÚBLICO

O público alvo são pequenos e médios produtores rurais, da atividade da pecuária leiteira dos municípios de Nossa Senhora da Glória, Porto da Folha, Poço Redondo, Canindé do São Francisco, Carira, Frei Paulo e Tobias Barreto.