Bem-vindo ao SENAR SERGIPE

O que você procura?


O Sistema Faese/Senar realizou na última segunda-feira, 6, uma live sobre contabilidade rural. Os principais temas discutidos foram: tributação rural e a importância do produtor fazer a contabilidade rural.

A discussão contou com a participação do técnico do Senar/SE, Raildo Meneses, que falou sobre Tributação rural, e o advogado e contador, Marciel Raimundo, que destacou a importância da contabilidade rural.

A live foi mediada pelo contador e membro do Conselho Regional de Contabilidade de Sergipe – (CRC/SE), Paulo Amado, que destacou a importância do contador.

“Essa live conseguiu ser plena porque conseguimos trazer informações importantes para o produtor rural com detalhamento mostrando a importância de ter uma contabilidade perfeita para evitar penalidades. Por isso, é importante o produtor rural buscar um profissional da área da contabilidade que possa executar de maneira correta a sua contabilização rural para que ele não venha a sofrer penalidades dos órgãos fiscalizadores”, pontuou.

O contador e advogado Marciel Raimundo chamou a atenção dos produtores para o livro caixa digital. “Os produtores precisam se preparar para o livro caixa digital porque será mais comum pessoas sendo obrigadas a fazer. Nós levamos informações para tomadas de decisões. Nós somos os guardiões dessas pessoas físicas e jurídicas com o conhecimento técnico. Este é o principal papel do contador”.

A tributação rural foi outro tema discutido durante a live. O técnico do Senar/SE, Raildo Meneses, destacou a importância dos tributos relativos à comercialização da produção rural.

“Esses tributos são relevantes para o desenvolvimento do segmento rural, uma vez que contribui para geração de emprego e renda, bem como para a melhoria da qualidade de vida dos produtores rurais, trabalhadores rurais e suas famílias. Seja através das ações de Formação profissional rural, Promoção Social e Assistência Técnica e Gerencial disponibilizadas pelo SENAR, seja através dos benefícios previdenciários destinados ao produtor segurado especial, bem como da desoneração da folha de pagamento do produtor rural contribuinte individual”, afirma Raildo.