Bem-vindo ao SENAR SERGIPE

O que você procura?


Qualificar os jovens do meio rural é um dos objetivos do curso de Aprendizagem Profissional Rural do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural – Senar. No município de Rio Real, o Senar Sergipe e o Senar Bahia iniciaram mais duas turmas totalizando 33 jovens. O curso é voltado para a cadeia da fruticultura.

 

O curso é dividido em três etapas: núcleo básico, específico e prática profissional. A carga horária é de 960 horas sendo 480 em sala de aula e 480 de prática profissional. A coordenadora da Aprendizagem Rural no Senar/SE, Valéria Vilanova, destaca a importância do curso.

 

“O Senar atende a determinação da Lei 10.097 de 20 de dezembro de 2000 referente à Aprendizagem na certeza de estar qualificando jovens para o mercado de trabalho sugestivo ao agronegócio que é o nosso foco e principalmente despertando o interesse de ajudar os pais com a produção e ou manejo nas atividades do campo. Consequentemente contribuindo para a redução dos índices sobre o êxodo rural”, afirma.

 

Ainda segundo a coordenadora do curso, mais uma metodologia será utilizada nas turmas de Aprendizagem Rural. “Acrescentamos à metodologia ativa para ser aplicada nas turmas de Aprendizagem Rural com o objetivo de instigar a participação e assimilação dos conteúdos programáticos de forma atrativa e entretida para os jovens”.

 

A coordenadora do Senar Bahia, Lisiane Rocha, destaca o impacto do curso para os jovens da região. Segundo Lisiane, os jovens podem aplicar o conhecimento adquirido na propriedade da família.

 

“O Senar está oportunizando os jovens para o primeiro emprego e mostrando para ele um segmento que até então é desconhecido que é o agronegócio. Além do primeiro emprego, eles podem adquirir esse conhecimento e seguir na carreira acadêmica, como também aplicar o que aprendeu na propriedade da família porque a gente identifica que a maioria é de origem rural”.

 

Alunos

 

A aluna Gessy Kelly Santos é filha de produtores rurais e pretende seguir na área. Ela conta que o curso chamou atenção por ser voltado para o campo. “Sempre me interessei por coisas do campo, inclusive moro em uma área rural. O curso me chamou atenção porque qualificação nesta área em nossa cidade é bem escassa em questão de atender os jovens. Rio Real é uma área vasta em campos só que são poucos os investimentos para os jovens. Meus pais trabalham besta área e minha expectativa é aprender mais sobre esta área”, pontua.

 

 

O aluno Givanilson Oliveira da Conceição conta que é o seu primeiro emprego e a expectativa é aprender mais sobre temas relacionados ao campo. “A expectativa é aprender mais sobre agropecuária. Uma experiência nova e também é o meu primeiro emprego. Quero aprender coisas novas”.