Bem-vindo ao SENAR SERGIPE
(79) 3211-3264 | (79) 3214-6817

O que você procura?



A Federação de Agricultura e Pecuária do Estado de Sergipe (Faese) apresentou um documento com um panorama técnico da atual situação do estado e propostas  para alavancar o agro. A reunião aconteceu no Palácio dos Despachos e contou com a participação dos Sindicatos Rurais, Associações, produtores rurais e deputados.

Durante reunião, o presidente da Faese, Ivan Sobral, falou sobre as propostas do documento intitulado ‘Agropecuária sergipana: desafios e diretrizes para o futuro’. O documento traz de maneira detalhada toda a situação do agronegócio sergipano indicando os gargalos e apontando soluções a curto, médio e longo prazo. Também foi entregue um documento  pedindo que um técnico assuma a Secretaria de Estado da Agricultura.

O presidente Ivan Sobral avaliou como positiva a primeira reunião do setor com o governador Belivaldo Chagas. “Nós trouxemos este documento com propostas para alavancar o setor agropecuário em nosso Estado. Tivemos uma reunião positiva e o governador mostrou-se aberto ao diálogo e prometeu ler todo o documento”.

O governador Belivaldo Chagas afirmou que está aberto para dialogar com todos os setores. “Nós precisamos ter é mais diálogo com o setor e quanto a isso quero deixar bem claro que estou totalmente aberto para dialogar. O que eu quero é dialogar sempre”.

O documento entregue foi assinado por 38 instituições do setor agropecuário. O presidente da Associação dos Plantadores de cana-de-açúcar, José Amado, avaliou como positiva o diálogo com o governador.

“Foi muito importante o trabalho que a Federação preparou para o governador sentir as dificuldades e os valores da agricultura tanto o pequeno, médio e grande produtor que precisam ser vistos. Esperamos que o governador veja este pedido da Federação da Agricultura com carinho e que coloque uma pessoa que tenha condição de tocar essa Secretaria de Agricultura”, afirmou.

O produtor de leite Lafaiete Franco Sobral também participou da reunião. “O setor agropecuário propôs um secretário mais técnico focado na área em geral e não só, como nos últimos tempos, focado na agricultura familiar. Foi muito importante esse primeiro acesso e as portas ficaram abertas para outras reuniões”.

O ex-secretário de Agricultura, Zezinho Sobral, destacou a importância da agricultura para a economia do Estado e enfatizou a importância iniciativa da Faese. “A agricultura representa algo entorno de 240 mil empregos. Um setor que gera divisas, empregos e o que hoje as 38 instituições capitaneadas pela Faese trouxe um diagnóstico e uma proposta de modificações para a agricultura sergipana. Abriu um bom caminho de diálogo para que as coisas possam avançar”.


Posts Relacionados

Notícias
Senar Sergipe realizará Dia de Campo em Carira com foco na Colheita do Milho
Notícias
Fertilizantes e defensivos agrícolas elevam custos de produção de milho em Sergipe, aponta pesquisa
Notícias
Trabalhadores e produtores rurais são certificados com curso gratuito de retroescavadeira em Pacatuba
Mais Notícias >

Este site utiliza tratativa baseada na Lei Geral de Proteção de Dados Lei nº 13.709/2018. Para saber mais, basta acessar nossa Política de Privacidade.